segunda-feira, 16 de março de 2015

VED: Estudo de música para bailarinas: Cap.1- Andamento

Para começarmos nosso estudo começarei com um tema bem simples, rápido e muito importante, o andamento.


DEFINIÇÃO: 

 - Andamento é a velocidade que a música é executada.
                         
 - O aparelho que mede o andamento chame-se METRÔNOMO.
                       
  - O metrônomo mede a velocidade da música em bpm (batida por minuto)
                           
- A velocidade pode variar de 40bpm (Largo) até 208bpm (Prestíssimo), cada bpm ganhará um nome específico.


Ok, depois de apresentar os termos técnicos você pode estar se perguntando: "Quando vou usar isso?"
E eu te respondo: " SEMPRE!"


Vamos pensar um pouco, o músico usa o andamento para tocar em uma certa velocidade  pois o mesmo pode variar muitas vezes durante uma música.

E você, como se guia na música para dançar?  Você com certeza irá me responder 3 coisas:

                         1-  Pelo ritmo    2- Eu sinto e deixo levar    3- Vou pela harmonia


Todas as respostas acima estão totalmente vinculadas com o andamento, o ritmo, a harmonia e tudo que compõe uma música segue um andamento!


E na dança?

 Sabe quando a música está mais lenta e pede um movimento mais devagar?......e aquela hora que a música acelera que dá vontade de sair num deslocamento e de correr pela sala?

Quando a bailarina está no nível iniciante parece mais difícil de entender, o meu conselho é ouvir a música sem dançar, deixar entrar e tentar sentir qual a parte lenta, qual a parte rápida, qual é mais ou menos (kkk). Assim a professora estimula a aluna a treinar os ouvidos e a identificar todas as partes que formam uma música.

Para você que já dança e é mais experiente, aí vai uma dica, o ouvido pode ser treinado, e como diz o √ictor (meu namorado e professor de música) é muito importante ouvir a música e separar ela por temas, por exemplo, hoje vou estudar os instrumentos então vou tentar separar da música e ouvir primeiro o derbake, depois o alaúde, depois o pandeiro e etc...
Isso pode ser feito com qualquer parte da música, melodia, harmonia e muito mais!!!


Com o tempo o ouvido ficará afiado para perceber aqueles TAKs escondidos e que fica lindo quando a bailarina faz aparecer através de um movimento.


Bom minhas flores, espero que o post possa acrescentar e esclarecer um pouco desse universo musical.

Se ainda restaram dúvidas deixem aqui em baixo nos comentários que anoto tudo e tento responder!!!

Bjão e até o próximo EMB (estudo musical para bailarinas)!!!!











Nenhum comentário:

Postar um comentário